A Regra dos 90 e a Produtividade nas Tarefas Diárias (O Cérebro É Que Sabe)

Estamos habituados a ouvir falar em tempos de trabalho de 30, 60, 90 e 120 minutos. Nada disso é estranho se pensarmos na escola. As aulas passaram de 60 e 120 minutos, para blocos de tempo de 90. Sabia que isso tem uma base teórica subjacente?

Estudos internacionais indicam que o nosso cérebro tem uma capacidade limitada de atenção/concentração, e essa capacidade esgota ao fim de 90 minutos.

Os estudos indicam que uma pessoa só se consegue manter verdadeiramente atenta e envolvida numa tarefa durante os primeiros 90 minutos. Após este tempo, o cérebro começa a atuar em modo automático, desligando-se aos poucos do que está a processar através dos sentidos. Se a informação que chega (input) for demasiado desinteressante, a probabilidade de aumentar esse “corte” na informação, aumenta drasticamente.

Aplicar a regra dos 90 minutos no contexto escolar parece fazer sentido, pois todos nós nos fomos habituando à mudança. No entanto, se gostava de ser mais produtivo nas reuniões que dinamiza ou que participa talvez fosse positivo começar a agendar reuniões com tempos de 90 minutos e intervalos de 15 minutos. Quando ultrapassamos a linha dos 90 minutos (sem intervalo) o nosso cérebro começa a diminuir a sua capacidade de análise.

Imagine-se numa reunião de 120 minutos sem intervalo. É típico os envolvidos saírem da reunião muito desgastados e isso é fruto, não só da complexidade do problema em cima da mesa, mas igualmente da dificuldade que o seu cérebro e os demais têm em manter o foco durante muito tempo (mesmo em situações que o motivam). Vai perceber que a longo prazo, vai começar a perder pormenores do que se passou à sua volta e vai questionar porque não ouviu ou não viu. Começamos a mexer na cadeira, a olhar para o telemóvel e a verificar vezes sem conta os minutos a passar. Isso acontece-nos muitas vezes não é verdade? Mais vezes do que aquelas que nos apercebemos.

Numa reunião ou em qualquer outra tarefa (ler, escrever, fazer uma apresentação, caminhar, etc) o tempo ideal de atividade para o nosso cérebro é de 90 minutos. Depois é tempo de fazer uma pausa. E a pausa ideal é de 15 minutos por cada 90 de atividade cerebral.

Os 15 minutos de intervalo é o tempo ideal que o nosso cérebro precisa para restaurar a sua energia e restabelecer a sua funcionalidade após 90 de atividade.

Mais tempo vai transmitir ao cérebro uma sensação de desleixo na informação, como se de uma desvalorização se tratasse. Um tempo menor, isto é, um tempo mais curto de intervalo, por exemplo 5 minutos, fará com que o seu cérebro não tenha tido o tempo suficiente de pausa e reorganização do pensamento.

Um cérebro cansado é um cérebro que está em auto-gestão. Tal facto, provoca em nós alguns comportamentos menos desejáveis, como agitação motora, irritabilidade generalizada, dificuldade de raciocínio, baixos níveis de criatividade e baixo nível de tolerância à frustração, dificuldades acentuadas de atenção e concentração.

Portanto lembrem-se: Fazer pausas de 15 minutos a cada 90 minutos de trabalho, aumentará não só a sua produtividade mas igualmente a capacidade de manter a sua circulação de pensamento mais fluída e portanto mais eficaz. Quanto mais se forçar a fazer tarefas por longos períodos, mais esforço irá fazer e certamente a sua produtividade vai ser mais lenta.

No trabalho é impossível fazer intervalos a cada 90 minutos, certo?

Bom então, não podendo ter um “perfeito ideal” , dedique pelo menos um tempo para cortar a sua atenção por breves momentos  na tarefa que está a fazer, para poder regressar a ela com maior foco. Por vezes basta, levantar da cadeira e esticar as costas, ou andar um pouco de um lado para o outro, ir à casa de banho ou ir até à janela. Verá que a sua concentração estará novamente ativada. Não será a ideal, mas ajudará a melhorar a sua atenção e concentração. Ao fazer algum deste comportamento estará a transmitir ao cérebro que ele precisa de se “re-ligar” novamente na tarefa em causa.

FC

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close